Curiosidades

O amor na Coreia do Sul: O dia 14 de cada mês

Não obstante, a maioria dos coreanos, longe de vê-lo como algo obrigatório vivem-no como um momento festivo, com o qual se divertir com essa pessoa, que levam em seu coração. São costume, cheias de charme e curiosidade do que para nós, sem dúvida, nos chama muito a atenção e que passamos de seguida a descrever-te.
Você aponta a celebrar alguma?
14 de janeiro: Dia da agenda
Uma agenda? Você pergunta. Assim é, de fato, a maioria de nós também levamos a cabo este costume. Começa o ano e é tempo de projetos e sonhos por cumprir. O que melhor do que dar uma bela agenda?

É uma prática que ocorre tanto em casais, como entre amigos. De fato, a Coreia do Sul está cheia de preciosas papelarias especializadas comercializar cadernos e agendas muito peculiares, com desenhos de mangá ou anime ou frases motivadoras.
14 de fevereiro: Dia de São Valentim
Não podia faltar. O dia dos Namorados é comemorado em quase todo o mundo, e a Coreia do Sul, assim como é no Ocidente, também aponta para este costume. Mas sim, há uma particularidade a ter em conta: os presentes só nos oferecem as mulheres.
14 de março: Dia Branco
No dia 14 de março é um dia muito especial para o paladar feminino. Se em fevereiro foram eles que prepararam um detalhe para os seus pares, agora são eles que devem preparar alguns presentes para suas meninas.

Mas de que se trata? Doces, doces, bolos… e se possível de cor branca. Curioso, não é?
14 de abril: Dia de Preto
Nós passamos o dia branco e agora vem… dia negro. A verdade é que é algo irrisório e sabemos que ninguém quer celebrar. Qual a razão? É para as pessoas solteiras, e busca enfatizar essa (suposta) tristeza por não ter parceiro. É uma forma de duelo. Costuma-Se comer uma espécie de macarrão negros chamados “jjajangmyun”.
Neste país, por incrível que pareça, o fato de não ter um parceiro é algo vergonhoso para muitos…
14 de maio: Dia Amarelo
No Dia Amarelo casais têm como curiosa e singular costume levar alguma peça de roupa de cor amarela, e passar rosas da mesma cor.
E você… você gosta desta cor ou associar a má sorte? Para os coreanos é algo romântico!
14 de junho: Dia do beijo
O nome diz tudo. Como há falta de mais explicações? Desde então, só mais uma: este também é um bom dia para se declarar nossos sentimentos a essa pessoa que nos atrai.

As grandes marcas de cosméticos como batom, cremes ou brilhos labiais, por exemplo, aproveitam este dia para trazer novidades e atrair novos clientes.
14 de julho: Dia da Prata
Um dia, sem dúvida, muito especial. E do que se trata? Os casais trocam anéis de prata que compram para a ocasião, e aproveitar o momento para falar do futuro… e de casamentos. É um dia para estabelecer promessas e conhecer também os pais dos nossos parceiros.
14 de agosto: Dia verde
Este é o dia escolhido de todo o ano no qual é tradição beber um pouco de soju: um tipo de licor feito de arroz, de sabor algo semelhante à vodka.

Após isso, os casais dão um tranquilo passeio por um parque ou uma floresta (se estão em condições depois do soju…)
14 de setembro: a foto do dia / dia da música
Os coreanos gostam muito da música, os segue, os festivais…. Não obstante, é sempre o dia 14 de setembro, quando se faz “oficial”, o dia da música e das fotografias do casal.
É uma ocasião única para ir a um estúdio e fazer um bom retrato do que ensinar o dia de amanhã para os netos…
14 de outubro: Dia do Vinho
Um bom jantar, um bom restaurante… e a beber uma garrafa de um bom vinho para fazer honra ao dia. Muito agradável, não é?
14 de novembro: Dia do filme
Os cinemas estão cheios neste dia, mas os casais costumam preferir mais alugar filmes e vê-los em casa. Na intimidade. Também é comum passar algum DVD.
14 de dezembro: Dia do abraço
O último mês do ano termina como deve ser: com um bom abraço, com um grande, afetivo e larguísmo abraço com aquela pessoa que amamos. Algo que não custa dinheiro e que conforta o coração, os sentidos e a alma..
E agora diga-nos… o dia Que você gostou mais? Se você sempre achei interessante este artigo conhecida também por que se suicidam tantos alunos na Coreia do Norte