Curiosidades

Nathan Sawaya, o artista de blocos de Lego

Nathan Sawaya, o artista de blocos de Lego
O norte-americano Nathan Sawaya conseguiu renome internacional e é conhecido como “O artista dos blocos” graças ao Lego de toda a vida.
A exposição “The Art of the brick” teve lugar em Bruxelas, em 2013, mas antes esteve nos Estados Unidos, Austrália, Israel, China, Taiwan e Cingapura, e tem sido um sucesso. O esqueleto do T-rex e as releituras Da Mona lisa de Leonardo Da Vinci, Nefertiti, a Jovem de Pérola, de Vermeer, O Grito de Much, os retratos de Andy Warhol, assim como suas esculturas humanas, são algumas de suas peças mais interessantes. Nada mais e nada menos do que 80 esculturas e um milhão de peças de Lego foram utilizadas para esta exposição.
Como dizem que uma imagem vale mais que mil palavras e, no caso do Art isso se aplica à perfeição, deixamos este vídeo para que você possa desfrutar destas obras em primeira mão.

Como o próprio Nathan afirma, ao princípio fazia apenas como um hobby, até que decidiu deixar seu trabalho como advogado e se dedicar por completo ao Lego. Ele se define como “artista independente”, já que é auto-financiado por completo. De fato, garante que tem cerca de 4 milhões de peças de Lego, conforme foi comentado em “a empresa dinamarquesa Lego e ele mantêm uma prolífica e boa relação”. Não é para menos!
Nathan Sawaya, o criador do Oscar de Lego
Os nomeados para a Gala dos Óscares 2015 que não receberam o cobiçado prêmio recebeu seu Oscar de peças de Lego.
De fato, Oprah Winfrey estava tão feliz com sua estatueta que afirmou “isto é como se fosse real, e sim que conta”. Tal sucesso fez as regras, não só entre os atores, mas também entre os espectadores de casa, que Nathan não teve outra que pendurar um vídeo em que mostrava como poderíamos fazer o nosso próprio Oscar. Então, se a ti também te entraram vontade, deixamos o vídeo, para que você também tenha o seu prêmio!

Atualmente, a maioria dos museus de Arte Contemporânea disputam uma exposição do artista das peças de Lego e a própria Lady Gaga escolheu a sua impressionante obra “Yellow” para o seu vídeo “G. U. E-An Artpop”.
Para Nathan, sua Arte permite “conectar-se com a criança que temos dentro de nós”, além de ser “acessíveis para todos os públicos”.
Se você gosta de artigos sobre Arte Contemporânea pode também se interessar, A obra de Arte mais cara… 143 milhões de euros