Curiosidades

5 coisas que só sabemos o que adoramos DANÇAR

Se você é uma dessas pessoas, estamos seguros de que, no metro ou no autocarro seus pés não vão deixar de mover-se discretamente enquanto ouve as suas músicas com os fones de ouvido. Seguro também, que você acorda com música, que dá alguns giros em casa e que você se encontra com vontade o fim de semana para sair para dançar.
Se você é um simples amador ou se pratica dança, estamos seguros de que se identificarão com estes 5 aspectos. Nós, por nossa parte, nós convidamos você para que amplies esta lista. Qual é a acompanhá-lo?
5 coisas que só sabemos o que adoramos DANÇAR
De criança já foste muito “bailongo”
Ainda agora te seguem contando seus pais: era colocar uma música, e tu, não podia evitar contorsionarte e arrastar seus pés com mais ou menos graça, mas com muita paixão, enquanto bailabas. Mais tarde, e, à medida que crecías você foi descobrindo o que era mais ou menos o seu estilo.
E desde então, não havia festa da escola ou do seu bairro em que não se apuntaras para poder expressar essa paixão em você. O vergonha? Nenhuma.

Você descobriu o mundo emocional da música em conexão com o seu corpo
Sabe que algo acontece: quando você se move, quando roda, quando você pular e duplica a sua cintura toda a sua pele é carregado de emoções muito intensas. Dançar é a energia e em cada movimento a transforma encontrando espaços próprios, encontrándote a ti mesmo e a música para ser harmonizados no universo muito especial.
Você se sente livre quando você dança
O que você tem passado um mau dia? Nada melhor do que colocar a música bem alta e, simplesmente, de se deixar levar. Não existe mais nada, você se sente liberado, com a dança são canalizar a raiva, o medo, a ansiedade… E a alegria se torna mais intensa quando você dança.

São sensações excepcionais que você achou do bem cedo e que sabe que sempre te acompanharão.
Dançar com alguém é algo muito íntimo e especial
Dançar só é catártico, divertido e muito criativo. Agora, bem, se em algum momento você tem a oportunidade de se juntar a um baile e ao compasso de uma música com alguém que te atrai ou a quem quiser, a magia se transforma de repente em dois corpos sintonizados que sabem ser um.

Te amo, poucas coisas são mais sensuais, íntimas e especiais. Simplesmente, vos deixais levar, e entre risadas, cumplicidade e saber fazer, vós sofrem a criar momentos inesquecíveis. Então, diga-nos…Quando foi a última vez que foste a dançar com o seu namorado?
Fortalece a sua confiança
Certeza que isso deve ter notado alguma vez: depois de dançar sente uma agradável sensação de bem-estar, força e vitalidade. Nada parece deter, por um instante se dissipa sua timidez e afrontas nas seguintes horas, com maior confiança e segurança.
Isso deve ser nada mais do que essa liberação de endorfinas que ocorre em nosso cérebro durante o baile, um efeito muito gratificante que melhora o nosso estado de ânimo e que, sem dúvida, todos nós deveríamos praticar mais vezes.
Já o fazes tu? Você é daqueles que adoram dançar? O que estilo é o seu preferido? Não se esqueça de explicar o que significa para ti o baile, e lembre-se o nosso artigo sobre as 5 coisas que só eles sabem as pessoas que adoram MÚSICA.