Curiosidades

14 teorias da conspiração sobre o voo MH370 de Malaysia Airlines

Em 8 de março de 2014 o voo MH370, Malaysia Airlines, empreendeu voo de Kuala Lumpur, na Malásia, com destino a Pequim, mas no caminho o Boeing 777-200, com 227 passageiros e 12 tripulantes, simplesmente desapareceu, e foi objeto de uma das pesquisas mais longas e caras da história da aviação, não foi senão até um ano e meio depois de haver notícias de que os restos da aeronave (perto das ilhas Reunião, no oceano Índico).
Restos de uma das asas encontrada nas ilhas Reunião
Embora os governos da França e Malásia confirmaram que os restos mortais encontrados pertencem ao voo MH370, continuam sem se conhecerem as razões do sinistro e nas redes continuam tejiéndose teorias de conspiração, como as 14 que a seguir descrevemos brevemente.
Abatido pela Rússia, estados unidos.EUA ou pelo talibã
1 – a Partir de meios independentes de esquerda e do RT (o canal internacional da Federação Russa) foi sugerido que o avião pode ter sido derrubado por acidente. Esta teoria foi apoiada também por um livro do escritor Nigel Cawthorne, Flight MH370 The Mistery, onde afirma que o avião foi abatido no mar da China por forças norte-americanos e tailandeses que realizavam exercícios militares conjuntos.

2 – Também várias fontes relataram que o avião pode ter sido desviado por seu capitão em direção à ilha Diego Garcia, onde há uma base norte-americana, e que o avião poderia ser derrubado, prevendo um ataque terrorista.
3 – Outra teoria aponta que o avião foi sequestrado por membros do movimento talibã e tripulantes e passageiros se encontrariam entre o Afeganistão e o Paquistão.
4 – Naturalmente, existe também a teoria de que o avião foi sequestrado pelos russos, e seus restos mortais jogados na Ucrânia, confundidos com os do voo MH17, derrubado sobre este país, seis meses após o desaparecimento do MH370.
5 – Para esta última hipótese pode ser adicionada outra que aponta para o território russo como possível destino final da aeronave, tal como afirma Jeff Wise, um ex-piloto e especialista citado pela CNN. Ainda não está claro para que gostariam de os russos sequestrar o avião.
Conspiração com semicondutores e bilionários
6 – Várias teorias giram em torno da presença entre os passageiros de funcionários de empresas de alta tecnologia. Uma aponta que no voo estavam cerca de vinte funcionários da empresa norte-americana Freescale Semiconductor, que trabalhava em um projeto para o Pentágono a desenvolver a tecnologia para tornar invisíveis os aviões. Essa tecnologia seria utilizada para desaparecer o voo MH370.

7 – No voo estavam quatro sócios de uma patente de semicondutores e ao desaparecer a patente ficaria nas mãos do milionário Jacob Rothschild. O sabotagem?
Incêndios, sequestros e suicídios
8 – Outra teoria que tem circulado é que o piloto ou o co-piloto tenham decidido suicidar-se. Esta possibilidade não é descartável, pois já foram dados cerca de oito casos de suicidas que usaram aviões comerciais, como instrumentos de morte, e a conspiração estaria na tentativa de ocultar esta informação ao público, para não aumentar o seu medo de voar.
9 – especulou-Se também com a possibilidade de um incêndio dentro do avião em que todos tivessem morrido, e que a aeronave tivesse continuado à deriva até cair no oceano.
10 – Pouco tempo depois do desaparecimento da aeronave descobriu-se que vários passageiros, pelo menos três, viajavam com passaportes roubados, o que apoiou a teoria de um sequestro que, talvez, terminou mal.
As outras “teorias”, 11, 12, 13 e 14
As quatro últimas podem ser consideradas por alguns céticos como algo loucas ou extravagantes. Vamos começar pela mais óbvia: o voo foi raptado por alienígenas, seguida da possibilidade de que a aeronave tenha caído em um espaço semelhante, ou com as mesmas propriedades que o Triângulo das Bermudas, ou que a nave tenha sido preso e desapareceu por uma força misteriosa.
A seguinte nem sequer aponta para uma conspiração. Aponta que o acidente foi profetizado por um cantor de rap, Pitbull, em sua peça, “Get it started”, que joga com a cantora colombiana Shakira, e onde supostamente são mencionados dados do acidente de Malaysia Airlines.
Por último, na CNN reportou que um meteoro foi detectado na zona coincidindo com o voo MH370. Se houve uma colisão, os governos preferem ocultar a informação, também para não promover o seu medo de voar.

Em todo caso, o que tem aumentado é o medo de voar com a Malaysia Airlines. E se você quiser algo que lhe sirva para lidar com o medo dos aviões, leia este artigo.